"Vou parar mesmo!"

Ceni em treino no CT Tricolor (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)
A onda de jogadores se aposentando parece ter chegado ao Morumbi. Um dos maiores ídolos do São Paulo, o goleiro Rogério Ceni anunciou que vai pendurar as chuteiras ao final desta temporada. O jogador, que completou 41 anos em 22 de janeiro, afirmou estar se sentindo bem, melhor até que no ano passado, mas os resultados da equipe continuam na “mesmice”.

“No fim do ano vou parar mesmo. Não vou postergar. É meu último ano como atleta de futebol”, resumiu Ceni, que tem contrato até o final do ano com o Tricolor e que passou todo o ano de 2013 cogitando abandonar o futebol – pelo menos dentro das quatro linhas.

Em algumas entrevistas no ano passado ele dava a entender que encerraria a carreira. Em outras se mostrava empolgado, especialmente após a vitória por 4 a 3 sobre a Universidad Católica do Chile, pela Copa Sul-americana quando foi o grande destaque com defesas incríveis.

“Honestamente, estou me sentindo melhor do que no primeiro semestre de 2014 do que no de 2013, se você olhar em gols sofridos. Em resultado, como equipe, não saí da mesmice do ano passado. Foi meu ano mais difícil, mesmo de quando era garoto, que não tinha dinheiro para comer algo. O lado emocional foi muito pesado. Espero que tenhamos um caminho diferente em 2014. Eu me sinto bem, com algumas dores que fazem parte do dia a dia”, acrescentou.